Dicas Úteis Para um Plano de Comunicação

11/06/2018

Empreender com sucesso demanda alguns passos estratégicos ao longo do caminho, sendo um deles contar com um bom plano de comunicação, pois, do contrário, o negócio não consegue se destacar em meio à concorrência e se estabelecer no mercado. Tenha consciência de que não importa o quanto uma ideia seja incrível, se ela não for executada com bom planejamento estratégico, dificilmente dará certo.

O Que é um Plano de Comunicação?

Antes de apresentar dicas úteis para a elaboração do seu plano de comunicação, é válido explicar no que consiste esse conceito. Basicamente, se trata do planejamento estratégico que prevê todos os passos na direção de alcançar o público-alvo que foi previamente determinado pelos especialistas em marketing da empresa. Contudo, engana-se quem pensa que após o desenho desse plano basta segui-lo.

A verdade é que o plano de comunicação se mantém em aberto enquanto está sendo executado porque algumas condições podem ser modificadas no seu decorrer. Conforme as etapas vão sendo concluídas, é possível que o departamento de marketing perceba que os canais escolhidos não são os mais assertivos ou que surgiram oportunidades mais interessantes de impactar o público. Quem trabalha com marketing precisa estar atento a todos os movimentos do mercado.

Dicas Para Elaborar um Plano de Comunicação Consistente

Abaixo reuni algumas dicas de como elaborar um plano de comunicação assertivo e com mais chances de ser bem-sucedido para alavancar a sua empresa.

1 – Alinhamento de estratégias

O plano de comunicação deve ser pensado para alcançar os objetivos a curto, médio e longo prazo da sua organização. Um grande erro que muitos empresários iniciantes cometem é dissociar o planejamento de marketing do planejamento do negócio. Se o objetivo da empresa é crescer 15% em 5 anos, é fundamental que o plano de comunicação anual preveja a conquista de pelo menos 3% desse mercado. Não se pode pensar que a administração do seu negócio é como uma laranja dividida em gomos independentes.

2 – Saiba o que está procurando

Acima citei como é essencial alinhar o plano de negócios com o de comunicação. Seguindo a mesma linha de raciocínio digo que é necessário parar um tempo para questionar o que está sendo procurado pela companhia antes de pensar em público-alvo ou canais de divulgação.

Os objetivos mais relevantes para esse momento são conquistar parte do público das concorrentes? Conquistar outra parcela de público? Tornar sua marca mais conhecida em outros estados? Cada objetivo demanda um plano de ação diferente.

3 – Conheça seu público-alvo

Para determinar quais serão as estratégias do seu plano de comunicação, é importante fazer um estudo detalhado do seu público-alvo. Saiba quem são as pessoas que já compram os seus produtos ou serviços e quais são os públicos potenciais que podem vir a se tornar consumidores. A partir desse conhecimento, será possível determinar qual direção seguir para ser bem-sucedido na empreitada de se estabelecer no mercado.

4 – Analise a concorrência

No estudo do público-alvo é interessante dedicar parte do trabalho à descoberta do perfil dos consumidores que preferem os seus concorrentes. Com essa resposta e uma análise completa das empresas de maior destaque do seu segmento de atuação será possível chegar à resposta do que pode ser mudado ou melhorado.

No âmbito da comunicação e do marketing é imprescindível aprender a ver através do prisma dos consumidores. Por que eles preferem a concorrência? É o preço mais barato? É a experiência de compra mais agradável? Tradição? O gestor que conhece essa resposta tem a chave do crescimento.

5 – Estude os canais de comunicação

Nesse ponto o gestor já sabe quem é o seu público consumidor; quem ainda não é, mas poderia ser seu consumidor e como a concorrência se posiciona no mercado. Chegou o momento de descobrir onde o público que se deseja conquistar está para poder alcança-lo com a sua mensagem. As pessoas que são seus potenciais consumidores estão nas redes sociais? Passam bastante tempo online, mas longe dessas redes? Preferem meios de comunicação tradicionais como revistas e/ou jornais? Essas respostas te ajudam a definir onde veicular os anúncios da sua companhia tendo efetividade.

6 – Elabore as ações práticas

Quando se tem o conhecimento a respeito do público, concorrência e meios de comunicação mais relevantes, é bem mais fácil pensar nas ações de comunicação práticas. A criatividade não precisa ter limites nesse momento, porém, não esqueça que o orçamento sempre tem um teto. Enquanto pensa sobre as ações a serem realizadas, tenha em mente quanto é o orçamento total da sua empresa para a comunicação e quanto desse capital pode ser investido em cada fase do plano de comunicação.

A segmentação dos gastos deve ser considerada para evitar que a sua companhia chegue com forte presença de mídia nos primeiros meses do plano e depois vá perdendo a relevância pela falta de recursos. É melhor impactar em menor escala, mas constantemente do que impactar profundamente por pouco tempo.

As dicas de como elaborar um plano de comunicação foram úteis para você? Deixe seu comentário!

Fonte: www.marcusmarques.com.br por Marcus Marques

Compartilhe:

Que tal conversar sobre
Planejamento Contábil?

Agende uma visita com a nossa equipe de especialistas.